Llegaste Tú repete a latinidade popular de CNCO em uma ótima produção

0
12

A típica estrutura montada para ser a essência de CNCO transborda em Llegaste Tú. Se trata de uma parceria entre o grupo e Prince Royce, o que colabora para que a música seja vista como algo a mais do que os singles anteriores. A canção poderia estar facilmente em um dos álbuns da boyband, mas funciona, de maneira inteligente, como forma de divulgação do nome do grupo, e não de um trabalho específico.

A composição, que teve a participação de Prince Royce, repete o carisma latino presente nos últimos lançamentos do gênero, mas poderia ter sido mais completa com um segundo verso diferente, e não com a repetição do primeiro. De qualquer forma, é cativante o suficiente para cumprir seu objetivo. Enquanto não se arriscam no estúdio, os integrantes da CNCO desenvolvem seus vocais cada vez mais harmoniosos. Neste quesito, Llegaste Tú cria bons solos, e um ótimo refrão.

O diferencial de Llegaste Tú está no clipe. A ótima direção de JP Valencia é quase coreografada, e faz a câmera criar os visuais como se estivesse apresentando os vocais. Os membros do CNCO, assim como Prince Royce, são transformados em personificações da latinidade através das cores vibrantes – algo já criado pelo diretor em Mi Gente, de J Balvin. O vídeo cria a típica essência do grupo, porém com uma maior produção, que se torna mais agradável pelas ótimas transições, figurinos e bailarinos.

A dificuldade em manter um álbum atraente por ao menos um ano existe, mas ao mesmo tempo incentiva um modo interessante de lançamento, com músicas soltas, não necessariamente associadas a um CD. Llegaste Tú supre tal demanda, e reassegura o segredo do sucesso de CNCO – algo que sua equipe parece compreender tão bem quanto a nova forma de consumo musical.


Assista ao react de Llegaste Tú: