Tom Holland mostra equilíbrio na atuação e transforma Homem-Aranha: De Volta ao Lar no melhor já apresentado

4
106

Esse post NÃO contem spoilers!


Seria injusto não deixar as expectativas para Homem-Aranha: De Volta ao Lar no topo após a excelente performance de Tom Holland em Capitão América: Guerra Civil. Fazendo parte da lista de um dos filmes mais aguardados do ano, o novo reboot do herói amigo da vizinhança já pode entrar para a lista dos poucos que tiveram suas expectativas superadas. Apesar dos trailers um tanto quanto reveladores, o filme mostrou ser muito mais do que a pequena quantidade de minutos apresentada nos vídeos de divulgação.

As duas horas passadas dentro do cinema não ficaram massantes em momento algum pelo fato do roteiro e enredo serem geniais, extremamente divertidos e levarem a famosa ideia de realidade que a Marvel está acostumada a passar através das personalidades comuns de seus heróis, e dessa vez, do vilão – que por sinal foi interpretado de maneira brilhante por Michael Keaton e que, sem dúvidas, é um dos vilões mais bem estruturados do universo cinemático da Marvel. O Abutre possui esse nome apenas pelo traje, afinal é um homem comum com seus ideais e uma família para proteger, o que leva o público a ter uma conexão até mesmo com o vilão. A história passa a clara ideia de que, da mesma maneira que uma pessoa normal pode se tornar um herói, essa pessoa também pode se tornar um vilão.

Leia também: Um Chá com Tom Holland e Laura Harrier: Além de Homem-Aranha, Robert Downey Jr. e filme com Deadpool foram comentados

Já era disponível acompanhar Peter Parker na escola nos filmes anteriores do herói, mas nada pode se comparar ao apresentado em Homem-Aranha: De Volta ao Lar. Todos os elementos desconfortantes do ensino médio foram passados através dos personagens que levaram um elemento típico adolescente, com todas as inseguranças e preocupações, para o filme, e que foram essenciais para equilibrarem a história para o lado leve. Porém, os efeitos visuais e sonoros foram extremamente bem encaixados nas cenas mais importantes e “pesadas” do filme, deixando a história simples com cara de super produção e criando o equilíbrio ideal para criar um perfeito Homem-Aranha. Apesar dos vários personagens que acompanham a vida de Peter na escola, em casa e em suas missões, o filme é, sem dúvidas, focado no Homem-Aranha e apenas nele. Acredito que essa seja a melhor parte da produção, pois mesmo com todos os adolescentes cativantes e o próprio Homem de Ferro, a história não deixa de ser, em momento algum, focada no personagem principal.

Tom Holland não é apenas o melhor Homem-Aranha dos cinemas mas também o retrato real e fiel de Peter Parker em todos os sentidos. Da mesma maneira que Robert Downey Jr. nasceu não para apenas interpretar, mas ser Tony Stark, Tom possui o mesmo papel com o personagem tão adorado dos quadrinhos. Sua desenvoltura na frente das câmeras é extremamente cativante e sincera, levando qualquer um a se apaixonar pela sua representação de não apenas um, mas ambos, Peter e Spider. Tom consegue ser essa mistura perfeita que faltava nos cinemas, criando a maravilhosa reprodução do corajoso Homem-Aranha e do inseguro Peter Parker de maneira extremamente natural e que nos faz pensar: “Por que os outros não conseguiram?”. Mas a resposta para essa pergunta é simples: Esse filme genial, divertido e equilibrado que marcou uma parceria inédita entre a Sony e Marvel não teria chegado nem perto dessas características se não fosse pelo principal elemento chamado Tom Holland. Não é uma questão de parceria ou de super produção, mas sim do talento apresentado pelo jovem de 21 anos em frente as câmeras, sendo uma auto explicação do por quê ele conseguiu o papel mais cobiçado no mundo dos heróis. Toby Maguire pode ser bom em interpretar o Peter Parker, e Andrew Garfield em interpretar o Homem-Aranha, mas Tom Holland simplesmente é o herói e o adolescente.

Imagem relacionada

É difícil dividir as cenas para criar críticas específicas para cada uma quando todas elas foram perfeitamente apresentadas, mas não é possível ignorar a atuação de Tom nos períodos de ação e naqueles com Tia May que, mais uma vez, levaram o equilíbrio entre herói e menino para dentro do traje. As expressões que o ator conseguiu criar nos momentos cruciais e decisivos levaram toda a real essência do personagem para a tela do cinema. Por outro lado, a sincera relação entre a personagem de Marisa Tomei com seu sobrinho passaram mais uma vez esse lado adolescente com perfeição.

A tão julgada relação de Tony Stark com o Homem-Aranha não poderia ter sido mais perfeita. Ao contrário do que muitos dizem, Tony é o mentor ideal para Peter. A conexão dos dois personagens é claramente a mesma vista nos quadrinhos originais de Guerra Civil, onde uma versão mais amadurecida do milionário trata o menino novo no quesito super herói como um filho, dando conselhos e criando um novo traje cheio de apetrechos tecnológicos. A aparição do Homem de Ferro é natural e não demorada, apesar da alma do personagem permanecer ao longo do filme levando em conta a proximidade de Peter e Tony – que por sinal foi decisiva no crescimento e amadurecimento do próprio Homem-Aranha como herói e em seu futuro nos próprios Vingadores.

Homem-Aranha: De Volta ao Lar é o melhor filme do Homem-Aranha apresentado por ser simples, divertido, muito bem produzido e claro, por deixar aquela brecha de conexão entre o herói e a tão sonhada participação em Os Vingadores. Mas como foi dito, esses fatores estariam apenas em um sonho distante se qualquer um que não fosse Tom Holland estivesse no papel. Tom é a alma do filme que virou o melhor até então, mas tudo isso pelo simples fato dele próprio ser o melhor Homem-Aranha do cinema.

  • jj

    Oi muito prazer, meu nome é Jennifer e eu conheci o seu blogue pq seu tio Adriano me divulgou, eu sou a filha do dono da loja q ele trabalha e ele estava me falando do seu trabalho e me disse para vir dar uma olhada no blogue, e ele me contou q vc tinha entrevistado o homem aranha e eu como sou muito fã, fiquei empolgada de ver a sua crítica, q simplesmente achei maravilhosa… e eu tinha de elogiar Pq a forma q vc se expressou ficou muito clara, e eu só concordo pq foi tudo de bom esse filme.
    Ele me disse q vc é especialista quando se trata de filmes e musica e essas coisas todas rsrsrs… parabéns pelo seu trabalho..😊

    • Oi Jenni, tudo bem? Obrigada pelo comentário! Fico muito feliz em saber que você gostou do Chá e se identificou com o conteúdo. O novo “Homem-Aranha” foi realmente incrível, né? Não deixe de acompanhar o site para não perder os próximos posts, seus comentários e opiniões serão sempre bem vindos! Abraços!

      • Jenni_lopes1

        Bem e vc ? S realmente muito bom.. vou sempre fazer o possível para ler tudinho, e sempre q eu tiver uma duvida de algo ou opinião vou escrever tbm….mal posso esperar para ver oq vc vai escrever sobre guerra infinita… já estou tomando chá no YouTube e no instagran tbm..😉😉😊😀 abraços

        • Ah que bom, Jenni. Escreve e acompanha em todas as redes mesmo, fico feliz! Já ouvi falar de “This Is Us”, vou procurar assistir e escrever sobre. Obrigada pela dica!