Zak Abel apresenta sua nova e maravilhosa identidade musical com “Unstable”

0
93

É comum em certo ponto da carreira os artistas procurarem se reinventar. Mudar os ritmos, a forma de composição e amadurecer. Outro caso acontece quando a carreira se inicia muito cedo, levando o artista a “mudar” antes mesmo de ser realmente lançado na indústria. A segunda opção é o caso de Zak Abel, que adentrou à indústria musical em 2014, mas esperou até 2017 para realizar o lançamento de seu primeiro álbum. Algumas faixas como “Say Sumthin” e “Everybody Needs Love” me deixaram curiosa o suficiente para aguardar o primeiro single do disco ansiosamente. Porém, com o lançamento de “Unstable“, foi possível notar o porquê do britânico aguardar para lançar o álbum.

A primeira faixa de divulgação do ainda não lançado álbum “Only When We’re Naked” é completamente diferente das canções feitas até agora. O R&B e soul sofreu uma fusão com um ritmo latino e dançante que é impossível não viciar. A voz de Zak Abel combina perfeitamente com o tipo de música que ele, aparentemente, pretende lançar.

O vídeo oficial de “Unstable” é como uma representação não exata da faixa. Existem quatro núcleos, com diversos personagens em situações diferentes que se misturam com o cenário natural da Cidade do Cabo, na África do Sul. Eles se tornam o foco e constantemente parte da paisagem e dos elementos, como uma parede ou um carro com partes da letra da faixa. Não é um clipe que possua enredo, mas mesmo assim existe uma história a ser contada: a música.

zak2

Os personagens da pequena trama de quase quatro minutos vivem a letra escrita por Zak Abel. É como se estivessem gritando para todos escutarem: “Eu não quero deixá-lo ir, mas eu acho que deveria saber, eu sou instável“, cada um de sua forma, em sua própria situação – incluindo o próprio cantor. A qualidade das imagens do vídeo é um bônus, assim como algumas partes do áudio original das imagens que acabaram entrando na música, deixando a letra conectada com as cenas.

Acredito que em “Only When We’re Naked” essa mistura de ritmos vai continuar a acontecer em todas as faixas, sendo essa a identidade de Zak Abel. Se essa realmente for a situação, o álbum, que sai dia 10 de Março, provavelmente irá lançar o cantor para o mundo. Até lá, as expectativas só crescem e devem continuar dessa forma.